Rádio e TV Verdes Florestas
Você está lendo »
Publicado em 22 de janeiro de 2018

Governo do Acre ajuizará ação contra a Usina de Jirau pela cheia do Madeira em 2014

 

Publicado

em

O governo do Acre decidiu entrar com uma ação na Justiça contra a Usina de Jirau, em Porto Velho (RO), devido ao não cumprimento da determinação da Agência Nacional de Águas, ANA, sobre a elevação em 1, 5 metro da BR-364 em trechos da rodovia vulneráveis a alagamentos. A não observância da usina acabou gerando incalculáveis prejuízos ao Acre durante a cheia do rio Madeira em 2014.

“Diante disso, nós estamos judicializando contra a hidrelétrica de Jirau e pedindo a Justiça que determine o ressarcimento dos prejuízos causados que ficam em mais de R$ 300 milhões que estão definidos de maneira técnica pela Procuradoria Geral do Estado”, disse o governador Sebastião Viana

Nesta segunda-feira, 22, Viana esteve reunido com o presidente em exercício da Agência Nacional de Águas, Ney Maranhão, e técnicos, para tratar do monitoramento da situação do rio Madeira.

Há uma preocupação com a cheia do rio Abunã, importante tributário do Madeira, que alcançou 20, 73 metros nesta segunda-feira.

A ANA e técnicos do governo do Acre informam que o volume de chuvas na região é bem menor que em 2014, por isso os riscos de uma cheia como a que ocorreu naquele ano são mínimas.

Apesar disso, o governo pede à hidrelétrica de Jirau que regule a vazão do rio em caso de ameaça de alagamento e grande volume de chuvas.

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)